18 / 11 / 2016 - 11h40
Salão de Livros do Vale do Guaribas teve sua abertura nesta quarta-feira

Foi aberto na última quarta-feira (17), o IV SALIVAG (Salão de Livros do Vale do Guaribas) que homenageia este ano a Professora e Escritora Maria de Jesus Souza Martins.

Nos quatro dias serão ministradas palestras com grandes nomes: o jornalista, escritor e apresentador do Programa Profissão Repórter da Rede Globo, Caco Barcellos; o jornalista, publicitário e humorista, Diego Curvêlo e o escritor, ator, diretor de cinema e teatro, Márcio Trigo.

A solenidade de abertura foi realizada em auditório montado no gramado do Estádio Municipal Helvídio Nunes de Barros, local onde acontece o SaliVag. Estavam presentes secretários municipais, vereadores, familiares, professores, estudantes, profissionais liberais e populares.

Por decisão da organização, este ano o SaliVag homenageia a poetisa, professora e escritora picoense, Maria de Jesus de Souza Martins. Ocupante da cadeira número 10 da Academia de Letras de Região de Picos (Alerp), cujo patrono é Mário Rodrigues de Sousa Martins, ela faleceu no dia 18 de novembro de 2012 aos 62 anos de idade.

Ontem à noite após a abertura oficial, a irmã de Maria de Jesus, Gracinha Granja, apresentou uma palestra retratando a trajetória da homenageada desde a sua infância. Depois, a professora Olívia Rufino também falou um pouco da amiga. Na parte cultural aconteceram apresentações dos cantores Odorico Carvalho e Patrícia Melodi.

“Termos percebido que o Salão de Livros não é apenas um evento, mas um projeto de dimensão cultural e que certamente terá sua eficácia comprovada daqui alguns anos. Por isso nossa intenção é transformar a iniciativa em uma ação de governo e não apenas de gestão” – destacou o Padre Walmir.

Segundo a Secretária Municipal de Educação Rosilene Monteiro a preparação para a realização do Salão do Livro tem uma anterioridade de 8 meses para que seja bem planejado, estruturado e que todos os detalhes saiam perfeitos para que o público possa extrair o máximo de conhecimento desses quatro dias.

“A nossa expectativa é que o povo compreenda o nosso esforço e trabalho na realização deste evento cultural em uma região tão difícil na realização eventos desta natureza, então a gente faz com muito carinho e amor”, ressaltou.

Fonte: Portal Jornal de Picos

Texto complementar: Portal Agoraed